[OneShot] A Jóia.

Ir em baixo

[OneShot] A Jóia. Empty [OneShot] A Jóia.

Mensagem por Desconhecido em Dom Jul 28, 2013 4:14 pm

[OneShot] A Jóia. Rgvx
Spoiler:

19 de Dezembro de 2014; Dubai - Emirados Árabes Unidos...

...2:40 PM...

Mulher: Ei filho, acorde! –bate na porta- Já é quase meio-dia! Soraka! –bate na porta freneticamente- Eu vou entrar! –abre a porta-...
Soraka: Desvia, desvia, desvia! –Diz com o olhar fixado no monitor do computador-.
Mãe: Ele já estava acordado... Soraka! Ei Soraka, tire esses fones do ouvido, estou falando com você!
Soraka:*Olha para trás* Ah, mãe, bom dia! –tira os fones-.
Mãe: Poxa vida em, estou te chamando há tempos! Você e esse seu bendito computador! Parece até seu pai mexendo com os arquivos dele...
Soraka: Falando nele, ele tá ai?
Mãe: Não, ele saiu faz umas horas... Parece que é uma negociação com o ministro de algum país, acho que era da... Da... Ah sim, Inglaterra! Mas de qualquer jeito já escovou os dentes? Se não, vá logo, o almoço ainda vai demorar alguns minutos!
Soraka- Ok!

Soraka vai até o banheiro...

Soraka: (Meu nome é Soraka... Soraka Aomo. Tenho 14 anos, sou um garoto; tenho olhos verdes e cabelo loiro, pele parda. Moro em Dubai com meu pai e minha mãe, tenho uma irmã mais velha, mas ela está estudando na França. Meu Pai é um magnata bilionário, que viaja mundo à fora negociando com os líderes de vários países. Minha mãe... Bem, ela apenas fica em casa comigo. Vocês devem estar se perguntando “como um bilionário pode ser casado com uma mulher que é apenas dona de casa”, certo? Bem, os dois se conheceram quando ainda eram crianças, até onde eu sei os dois eram pobres, e então meu pai descobriu que tinha jeito pra realizar negócios e arriscou essa carreira, e teve sucesso, logo os dois se casaram. Mesmo que eu viva num dos lugares mais ricos e diversos do mundo, meus hobbies são apenas mexer no computador e conversar com alguns amigos pelo celular, não é que eu não goste de sair e viver me sociedade, apenas não tenho animo pra fazê-lo sempre...). Erm... Pra quem estou explicando isso?! –Diz enquanto escova os dentes e percebe que estava, subconscientemente, fazendo uma autobiografia-.
Mãe: Ei Soraka, o almoço ainda vai demorar para sair, tinha esquecido de ligar o forno... Por que não dá uma volta enquanto eu preparo?
Soraka: Acho que farei isso! (Talvez seja apenas algum milagre da natureza, mas hoje eu estou com disposição para andar um pouco nesta cidade, mesmo que seja grande, não é difícil de se andar, muito menos há multidões nas calçadas, afinal, todos que moram aqui tem dinheiro pra comprar pelo menos uma, ou na verdades algumas, Lamborghini ou Ferrari).

Soraka entra no elevador, e entre os botões dos 52 andares, escolhe o do térreo...

Soraka: (Todo o prédio onde fica meu apartamento pertence ao meu pai, e como é de se esperar, moramos na suíte).

O elevador chega e Soraka sai...

Soraka: Bom, pra onde será que eu devo ir...
Garota: Ei Aka! Bom dia!
Soraka: (Não era nem preciso reconhecer a voz para saber quem era a garota que estava atrás de mim, só há uma pessoa que me apelida de “Aka”, e está é...) Olá Annie!
Annie: Olá, hehe! Vai sair pra andar numa sexta-feira? Que milagre é esse?
Soraka: Ah, você sabe, essas coisas acontecem de vez em quando... -risos-
Annie: Bem... Para onde você está indo?
Soraka: Ainda não decidi...
Annie: Então já sei! Vamos visitar a nova praça que foi inaugurada hoje!
Soraka: É verdade, eu tinha ouvido falar algo sobre essa praça há algum tempo, então ela foi inaugurada hoje em?
Annie: Foi isso que eu acabei de dizer!
Soraka: Bem então vamos! Ela fica perto?
Annie: Acho que fica há uns 2 quilômetros daqui!
Soraka: 2... Quilômetros? Chuva que partiu!
Annie: Não é tão longe, vamos e você verá!
Soraka: Fazer o que né... Vamos então.

Os dois saem do prédio...

Soraka: (Annie Júpitär, 14 anos, assim como eu. Ruiva, pele branca como a neve, olho castanho claro, na verdade está mais pra um laranja. Filha da dona de uma das maiores agenciadoras do mundo, e não menos importante, minha melhor amiga.)
Annie: Você está bem pensativo hoje em, já estamos na metade do caminho (eu acho), e você ainda não falou nada! Normalmente você fala até pelos cotovelos!
Soraka: Obrigado pela parte que me toca. Mas bem, do que você quer falar então?
Annie: Não sei... Que tal... Homens sarados?
Soraka: Recuso! Mulheres bonitas são mais meu tipo!
Annie: E então que tal...

Naquele momento tudo em volta de Soraka é coberto por uma tonalidade um pouco azul, como se tivesse sido encoberto por água, e o tempo parece ter ficado muito lerdo, embora não tenha parado...

Annie: Diiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii... –Diz com uma voz grossa, firme e lenta, como se tivessem deixado o tempo muito mais lerdo-.
Soraka: Ei Annie, tudo bem? Parece até que te deixaram mais ler... –Quando tenta tocar em Annie, sua mão atravessa o corpo dela- É como se ela tivesse se tornado um fantasma... Não... É como se eu tivesse sido transformado em um!
Sombra: Que mundo será esse? Tem prédios por todas as partes e... Espera, todos estes seres são... Droga, este é o mundo dos...
Soraka: Ei, você ai! Você sabe o que está aconte... Ãn? Asas?
Sombra: Ei humano imundo, não toque em mim!
Soraka: Erm... Quem é você?
Sombra: Eu sou Beelzebumon!
Soraka: “Mon”? Você é um Pok... Não, nomes que terminam em “mon” são dos... Você é um Digimon?
Beelzebumon: Sim, como um humano sem poderes pode conhecer seres de outra dimensão? Não me diga que você é um espião do...
Soraka: Ora, Digimon é uma franquia bem grande e conhecida mundialmente, ela possui vários jogos, animes e mang... Bem deixa pra lá, esse é o melhor cosplay que eu já vi!
Beelzebumon: Se não me engano cosplays são as fantasias que... Ei espera! Você quer dizer que neste mundo os Digimon são mostrados apenas como entretenimento?
Soraka: É... Embora eu não tenha muito conhecimento sobre eles, minha amiga Annie que é bem fã e...
Beelzebumon: Entendo, algum humano que já viajou para o nosso mundo deve ter voltado e feito essa franquia em cima do que viu no nosso mundo, bem, isso não vem ao caso! Você é a única existência neste local, além de mim, que não afetado pelo fluxo do Digimundo, então você deve ser o escolhido!
Soraka: Ãn? Escolhido? Do que você está...

Beelzebumon puxa Soraka pelo braço e os dois são puxados para um portal interdimensional...

Soraka: Onde estamos?
Beelzebumon: Este é o Digimundo!
Soraka: Oi? Como assim? Que eu me lembre o Digimundo era todo feliz e... A menos que... Ele tenha sido tomado pelas trevas!
Beelzebumon: Não sei se você tem o raciocínio rápido ou se é apenas pessimista, mas isso me poupa do trabalho de te explicar tudo... E sim, você está certo, ele foi tomado pelas trevas!
Soraka: E eu sou o humano escolhido para salvar o Digimundo!
Beelzebumon: Na verdade você é o ser escolhido, o destino podia ter escolhido qualquer ser de qualquer mundo para ser o escolho, e, infelizmente, foi logo um humano.
Soraka: É verdade, você estava resmungando antes, mas por que você odeia tanto os humanos?
Beelzebumon: Não sei lhe dizer, desde que nasci não suporto nem ouvir história sobre humanos, talvez algum ancestral meu tenha sofrido por causa de um ou algo do tipo... Voltando ao assunto principal, novamente, você é o ser escolhido e eu preciso de você para fazer o Digimundo voltar a ser o que era!
Soraka: O quê?! Digo, é claro!
Beelzebumon: Espero que essa sua autoestima não nos atrapalhe...
Soraka: Bem, então, enquanto o tempo do meu mundo flui muito mais lentamente que o daqui, vamos cruzar campos e campos até encontrar o inimigo e derrota-lo!
Beelzebumon: Na verdade eu já fiz quase tudo que eu podia fazer sozinho, só preciso da sua ajuda pra poder destruir a Jóia Sanguínea, uma pedra vermelha que possui mapa dos dados de todos os Digimon, e que se cair nas mãos do AeroVeedramon!
Soraka: Quem?
Beelzebumon: Vamos, estamos perto!
Soraka: Ei eu ainda não entendi nada...

Beelzebumon iça voo enquanto segura Soraka pelo braço...

Soraka: AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAHHHHHH!!
Beelzebumon: Humanos são tão barulhentos...


Soraka e Beelzebumon chegam ao castelo do inimigo, mais especificamente, no último andar, na sala da Jóia Sanguínea...

Soraka: Isso foi rápido...
Beelzebumon: Bem, está é a jóia, se o AeroVeedramon conseguir decifrar os dados dela, ele vai poder extrair o mapa de dados de todos os Digimon e, consequentemente, vai poder controlar a mente de todos eles!
Soraka: Ok, e onde eu entro nisso?
Beelzebumon: Seres de alguma dimensão, que não essa, não são feitos de dados, logo, se você tocar na jóia, você causará um colapso no mapeamento dela, e assim a destruirá!
Soraka: Só isso? Parece fácil!
Beelzebumon: Faça logo antes que o Aero...
Voz: Vejo que temos intrusos aqui...
Soraka: Você é...
Beelzebumon: AeroVeedramon!
AeroVeedramon: Pera, vocês vieram direto pro último andar? Meus guardas são tão incompetentes assim?
Beelzebumon: Esse é o resultado de contratar Digimon que não podem voar!
AeroVeedramon: Mas eles eram tão caros... Eu tenho que economizar... Ei, vocês estão quebrando o clímax!
Soraka: (Você acabou de terminar de quebrar...)
AeroVeedramon: Vejo que há um ser que não é um Digimon aqui... Não sei o que é isso, mas seu plano deve ser tocar a Jóia e destruí-la, certo?
Soraka: Certo! –Diz sorrindo-
AeroVeedramon: Você sabe que eu sou seu inimigo, não é... Ér... O que você é?
Beelzebumon: Ele é um humano!
AeroVeedramon: U-u-um... Humano?! Socorrooooooooooo! Um germe no meu castelo!

Beelzebumon aproveita o devaneio de AeroVeedramon e o agarra, assim o prendendo...

Beelzebumon: Corra humano imundo! Toque a jóia!
Soraka: “Imundo” é o seu... Deixa pra lá!

Soraka corre em direção à jóia...

AeroVeedramon: Acha que serei derrotado sem nem sentir um pouco do prazer da vitória?

AeroVeedramon solta uma de suas garras e perfura o próprio peito, porém, assim, também perfurando Beelzebumon...

Soraka: Beelzebumon!!
Beelzebumon: Nã-Não se preocupe comigo! Toque a jó-jóia!
Soraka: Jó-jóia, haha! Essa soou engraçada! Haha!
Beelzebumon- Cale a boca e toque logo!
Soraka- Tá bom!

Soraka toca a jóia e ela imediatamente explode...

AeroVeedramon: Nãããooooo!!
Soraka: Você já está quase morrendo por sua própria culpa, por que está se lamentando?

Alguns pontos de luz começam a sair dos corpos dos dois Digimon, e os mesmos começam a desaparecer...

Beelzebumon: Ei humano, parece que não tenho mais muito tempo... Antes de eu nunca mais precisar ver essa sua cara feia novamente, me diga... Me diga o seu nome!
Soraka- Meu nome é Soraka! Soraka Aomo!
Beelzebumon: Obrigado por nos salvar, Soraka! Você é feio, mas é legal!

Beelzebumon faz um sinal de “positivo” com a mão esquerda para Soraka...

Beelzebumon: Good Job!
Soraka: Mas o quê?!

Beelzebumon e AeroVeedramon desaparecem por completo...

Soraka: Mas que porcaria foi essa? Good Job? Digimon sabe falar inglês? Espera, agora que eu parei pra pensar, aquilo não era um cosplay, era de verdade!

E então o jovem, feio, porém legal, Soraka, volta para seu mundo num feixe de luz...

Annie: Digimon!
Soraka: Como você sabe?
Annie: Sei? Do quê?
Soraka: Do que você está falando?
Annie: Uai, estamos pensando num assunto para falar, certo?
Soraka: Ah, é verdade, estávamos falando disso!
Annie: Poxa vida, hoje você está tão avoado!
Soraka: (O que será que aconteceu com o Beelzebumon depois daquilo? Não sinto como se ele tivesse morrido ou algo do tipo. Bem, não importa, ele estava sorrindo quando desapareceu, e aliás...) Ei Annie, você acha que eu sou feio?
Annie: Oi? Que tipo de pergunta é essa do nada?
Soraka: Você acha ou não?
Annie: Ér... Erm... Bem... É que... Hm... Olha Soraka, o que importa é que você é legal!
Soraka: (ToT)< Droga!

...FIM...

Como é um OneShot ficou bem corrido, mas espero que tenham gostado Smile



To my Soul, the Aura; to my Mind the Wisdom!
[OneShot] A Jóia. Wqlx
Desconhecido
Desconhecido

Mensagens : 1
Data de inscrição : 22/07/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

[OneShot] A Jóia. Empty Re: [OneShot] A Jóia.

Mensagem por Kevin em Sab Set 20, 2014 12:04 am

Não é por ser uma one que precisa ser corrida, mas pelo que entendi vc teve que correr para postar... Então acho que é compreensível. rsr

Eu gostei da ideia. É difícil achar uma one que realmente passe as coisas de forma rápida, mas completa. Uma ideia que não precise de muita introdução, seja desenvolvida de forma simples e finaliza sem deixar muitos buracos. É um enredo bacana.

Gostei em especial das partes cômicas. As fics que tentam fazer piadas as vezes forçam tanto na piada que nem da vontade continuar endo. No entanto acho que o mérito de sua criação é justamente nas partes cômicas onde começa fazendo um pouco de bobeiras, e logo as partes cômicas ficam mais suavizadas quando surgem, no melhor estilo zoar com alguém ou com uma situação.

SHOW!
Kevin
Kevin
Membro Novato
Membro Novato

Mensagens : 28
Data de inscrição : 04/09/2014

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum